Deve a escola promover as notícias falsas?

A educação para os media na escola, na educação, começa a manifestar hoje uma fixação nas denominadas ‘fake news’, indo na terminologia e na ação, a reboque dos políticos e da sociedade. Será que faz bem?

Não seria mais correto que os professores, seguissem uma abordagem pela positiva, centrada, isso sim, na verdade, que é o princípio basilar da notícia e norte das relações humanas? Repare-se que falo em professores por que são estes que devem decidir. 

 Não se reforçaria desta forma a verdade em detrimento do que é falso ou obscuro?

 Não se promoveria melhor, mais eficientemente, o sentido crítico nos alunos?

 Não ficariam os alunos mais alerta para a questão?

 O normal, o comum, não será a notícia ser verdadeira?

 A escola tem aqui, ainda com esta questão, uma excelente oportunidade de explicar e clarificar a sua missão à (e na) comunidade, esclarecendo com clareza, a diferença entre informação e conhecimento, que continua a ser  o cerne da sua missão: transformar a informação em conhecimento. 

 Aqui sim, com o pór em prática desta dicotomia, poderá nascer o repúdio esclarecido e natural, sem dramas e de forma clara, das notícias falsas e também dos falsos peritos que se reproduzem como cogumelos… e cada vez mais dificultam o trabalho dos que verdadeiramente o são.

 Repito, deve a escola na sua ação promover as notícias falsas ou “fake news”?

 

 Conteúdo relacionado:

Anúncios

Sobre Jorge Borges

Professor.
Esta entrada foi publicada em Cidadania, Currículo, Educação, Portefólio pessoal. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s