Educar para, e nas Redes Sociais.

Esta excelente apresentação faz-me pensar na pertinência dos novos saberes dos professores/educadores!

Agora que a Escola vai sofrer uma mudança a nível de equipamento, ao nível da sala de aula – mercê do Plano Tecnológico da Educação – é uma urgência a formação de professores. Comece-se pela definição do perfil! (…)

Não se passe uma esponja sobre os avanços dos anos recentes: formação de formadores (novo perfil, novas competências), abandono da formação em ferramentas (abertura ao software livre, por um lado e grande aposta na web, por outro), b-learning, formação contextualizada e de aplicação directa na sala de aula. (…)

Urge a formação para os media! (…)

Anúncios

Sobre Jorge Borges

Professor.
Esta entrada foi publicada em Educação, Formação, Recursos, Sociedade da Informação, TIC, Web. ligação permanente.

Uma resposta a Educar para, e nas Redes Sociais.

  1. A formaçao para os media é indispensavel e a cada dia que passa mais inescapavel.
    Penso que também no ambiente universitaria seja necessaria tal formaçao. Me pergunto sobre a pertinencia de um curso de informatica e web para humanidades.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s