Software Livre na Escola (2)

software livre na escola

Decorreu, no dia 5 de Julho de 2007 – data a fixar, na Escola Secundária de Palmela o primeiro encontro subordinado ao tema “Software Livre na Escola“. Sala cheia, relatos e intervenções de alto nível, uma surpresa mesmo para quem já esperava muito. Foi vídeodifundido na íntegra e em directo.

O evento resultou do trabalho conjunto da Equipa CRIE e do Centro de Competência da Arrábida.

Reveja aqui a intervenção do senhor Presidente do Conselho Executivo da Escola Secundária de Palmela.

Procedeu-se à assinatura de um protocolo entre o Ministério da Educação e a Universidade de Évora que prevê a disponibilização do Alinex (Linux) nas escolas portuguesas, nomeadamente nas SAlas TIC e nos computadores portáteis. Assista à cerimónia em diferido e oiça a intervenção do senhor Secretário de Estado.

Distribuiu-se pelos presentes um CD, com a chancela do Ministério da Educação, repleto de software educativo, livre, para o sistema operativo Windows. A selecção do software foi da responsabilidade do CRIE e contou com a colaboração do Professor Karl Sarnow. A Ansol juntou-se à edição e assegurou a tradução das últimas versões (na altura) do OpenOffice e do Firefox para português. Outro parceiro importante foi a SUN.

Linux, OpenOffice, Moodle, Terminais Leves, WEB 2.0, relato de experiências, de tudo isto se falou muito… Notável o trabalho da Escola Secundária Artística de Soares dos Reis, no Porto. Há ilhas… cada vez mais ilhas, há professores com trabalho notável e inovador na área das Tecnologias de Informação e Comunicação. Esta Escola só usa Software Livre. Confira aqui.

O Moodle na Escola Secundária de Albufeira, Algarve, no Sul de Portugal. Atente na intervenção do professor Carlos Nunes.

A WEB2.0 na escola, por João Carlos Antunes.

Excelente a intervenção, via webconference, de Karl Sarnow, da European Schoolnet. Visione-a.

Rui Grilo, por parte do Plano Tecnológico falou do P. Tecnológico e de Software Livre. Confira aqui.

Excelente intervenção de fundo. João Correia de Freitas – pelo Ministério da Educação. A não perder. Ver

Muito interessante e a acompanhar com atenção o desenvolvimento do Projecto Linex na generalidade das escolas públicas da Extremadura Espanhola. Vicente Parejo foi o orador de serviço. Reveja a comunicação.

Programa.

Documentação.

Documento da BECTA traduzido para .pt, sobre Software Livre nas Escolas.

É o primeiro encontro subordinado à temática do Software Livre patrocinado pelo Ministério da Educação (DGIDC-CRIE) com a colaboração do Centro de Competência da Arrábida.

Presença, em stands, de 9 empresas nacionais que têm por base de trabalho/produto o software livre. Pujantes, com mais sucesso no estrangeiro que em Portugal:

DRI – Mind the Box (Terminais leves)

Sun – Terminais leves

Caixa Mágica

Novabit – Sistemas Linux na admnistração escolar e salas de aula

Critical Software (EdgeBOX)

Fujitsu Siemens – iPortalMais

Pure Systems

A escola, não pode de facto, alhear-se…

Software Livre na Escola (1)

Anúncios

Sobre Jorge Borges

Professor.
Esta entrada foi publicada em Educação, Formação, Internet, Portefólio pessoal, Sociedade da Informação, Software Livre, tecnologia, TIC, Web. ligação permanente.

Uma resposta a Software Livre na Escola (2)

  1. Pingback: Dois alunos por computador na Extremadura, 14 nas Baleares e Comunidad Valenciana « TIC, Educação e Web

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s